WhatsApp

21 97559-1731

Polícia investiga se corpo carbonizado dentro de carro é de motorista de aplicativo - GNews o Portal de Notícias de São Gonçalo, Itaboraí, Niterói, Maricá e Região

Polícia

12/06/2018 às 10h38 - Atualizada em 12/06/2018 às 10h38

Polícia investiga se corpo carbonizado dentro de carro é de motorista de aplicativo

Tiago Souza
São Gonçalo - RJ

Divulgação

A Divisão de Homicídios de Niterói, Itaboraí , e São Gonçalo (DHNISG), investiga se o corpo carbonizado, encontrado em um veículo nesta segunda-feira (12) em Itaboraí, é do motorista de aplicativo, José Natan Ramos Batista, de 25 anos. Ele está desaparecido desde o dia 04, após acertar uma viagem para levar um passageiro para Jaconé, na Região dos Lagos.

O corpo estava dentro do veículo de Natan, na Estrada da Pedreira, em São José. Os policiais conseguiram identificar o proprietário do veículo através da placa do automóvel. Por conta das circunstâncias, a vítima não pode ser identificada, o corpo foi encaminhado ao Instituto Médico Legal (IML) para análise.

A DH investiga se o motorista teria sido morto por traficantes do Jardim Catarina. De acordo com a especializada , José Natan chegou a ser preso sob acusação de homicídio, em dezembro de 2013, no Jardim Catarina, quando foi apontado, na época, como integrante de um grupo de extermínio que atuava na região, conhecido como ‘Bonde dos Quebras’, mas acabou absolvido pela Justiça por falta de provas, mas de acordo com informações da Polícia, ele estaria jurado de morte por traficantes de drogas que atuam na região.

ESTA MATÉRIA FOI VISTA 1241 VEZES

Comentários

Veja também

GNews o  Portal de Notícias de São Gonçalo, Itaboraí, Niterói, Maricá e Região
Editoriais
© Copyright 2018 Todos os direitos reservados
 
SejaHost Streaming e Hospedagem