WhatsApp

21 97559-1731

Filho de vereador apontado no caso Marielle é demitido da Alerj - GNews o Portal de Notícias de São Gonçalo, Itaboraí, Niterói, Maricá e Região

Política

15/05/2018 às 12h56 - Atualizada em 15/05/2018 às 12h56

Filho de vereador apontado no caso Marielle é demitido da Alerj

Redação
São Gonçalo - RJ

Tomaz Silva/Ag Brasil/Fotos Públicas

O filho do vereador Marcello Siciliano (PHS), suspeito de mandar matar a vereadora Marielle Franco (PSOL), foi demitido da Assembleia Legislativa do Estado do Rio de Janeiro (Alerj).

De acordo com a coluna do Ancelmo Gois, do jornal 'O Globo', Marcello Siciliano Filho trabalhou durante um período no gabinete do deputado Nivaldo Mulin (PR).

Em três depoimentos, um ex-PM relatou reuniões entre um miliciano, que atualmente está preso em Bangu 9, e vereador Marcello Siciliano.

Durante depoimento de um ex-policial militar, o vereador Marcello Siciliano e o miliciano Orlando Curicica foram apontados como os mandates da morte de Marielle e o motorista dela, Anderson Pedro Gomes. O político nega as acusações e classifica a denúncia como "factoide".

ESTA MATÉRIA FOI VISTA 1045 VEZES

Comentários

Veja também

GNews o  Portal de Notícias de São Gonçalo, Itaboraí, Niterói, Maricá e Região
Editoriais
© Copyright 2018 Todos os direitos reservados
 
SejaHost Streaming e Hospedagem